Má Língua



Ora muito boa tarde Senhor Doutor que nos próximos tempos, não me ouvirá dizer olá que foi palavra que proibi a mim mesma de pronunciar. Enquanto aquele anúncio continuar a passar na rádio e nos televisores, eu recuso-me terminantemente a comprar gelados daquela marca. E calha mesmo bem que eu até gosto muito mais dos cremosos e deliciosos gelados da Haagen Daz que se desfazem na boca, numa textura macia, de acentuado sabor. E não me venham com a treta de que de Espanha nem bom vento, nem bom casamento que antes quero comer gelados da Menorquina. Se em Portugal uma marca usa o Zézé Camarinha como imagem sua, eu quero ser espanhola como o Mestre Almada Negreiros!...
Como é que se pode ter o desplante de usar aquela imagem absurda de macho latino que encasquetou que as mulheres são burras e manipuláveis com inglês de praia e galanterias de um manual do século passado?... Ai, os gajos estão feitos ao bife Senhor Doutor que a maioria dos consumidores são mulheres e pior, muitas são mães e conseguem mudar os hábitos alimentares das suas criancinhas. Se querem saldo positivo desta campanha de verão, convençam mas é os machos deste país que é de homem lamber um Corneto e chupar até ao fim um Super Maxi ou quiçá, ponham legendas em várias línguas na publicidade como se faz pelas terras algarvias para captar os turistas que por mim, têm de me tocar mais fundo na alma para voltar a ser freguesa.

Ai... e à falta de um Jack Daniels vou fumar um cigarro, Senhor Doutor que já estou cansada! ...

0 comentários: