Postal de tratamento



Julgo que não existem ouvidos virgens duma assobiadela neles daquele tema dos Da Weasel intitulado Re-Tratamento, aquele que repete até à exaustão "Olá Nina, quero tratar de ti".


Confesso que quando li também me apeteceu tratar dele. Ora, autopsiemos:

Vou levar-te para casa,
Tomar conta de ti,
Dar-te um bom banho,
Vestir-te um pijama e fazer-te uma papinha,
Meter-te na caminha,
Ler-te uma historinha e deixar-te bem calminha,

Qualquer mulher fica feliz com um gajo que lhe substitui o pai tornando-a um eterno bébé.

Ouve bem,
preciso de alguém do meu lado que me dê um bom dia com um sorriso bem rasgado,
Amor pela manhã, pela tarde e pelo fim do dia,
Mais um pouco quando o sonho era o que eu queria,

Qualquer mulher fica feliz com um gajo que nada mais tem para fazer do que fazer amor com ela. Até dá para ter um sorriso todas as manhãs.

Não é preciso muito,
é muito simples na verdade, só quero amor bom, carinho, solidariedade,
Faz-me rir e eu prometo que não te faço chorar,
Trata bem de mim e eu bem de ti vou tratar...

Qualquer mulher fica feliz com um gajo que apenas quer que o façamos rir. E que disso dependa o facto de ele não nos fazer chorar e de nos tratar bem.

Olá nina quero tratar de ti, dar-te o mundo e o outro, tenho tudo aqui,
Chega só um pouco perto de mim, acredita que nunca me senti assim...
yeah yeahhh na na nana yeah yeahhh yeah na na nana...

Qualquer mulher fica feliz com um gajo que lhe quer dar este mundo e o outro. Mesmo que comece a desconfiar que esses mundos se resumem a um mundo que nele se eleva um palmo abaixo do umbigo.

Trata-me bem, eu juro que suo sangue por ti,
Faz a coisa certa como Spike Lee,
Podes usar e abusar do meu brinquedo favorito,
Mas tem cuidado por favor não o deixes partido,

Qualquer mulher fica feliz com um gajo que sua por ela. Mesmo que ele seja paternalista e considere o seu pénis como a sua coisa favorita ao cimo da terra.

Dou-te tudo que poder, tudo que tiver,
O que não tiver tiro aos deuses para a minha mulher,
Roubamos um foguete, vamos dar uma volta até a lua,
Escrevo um livro no caminho com a alma toda nua,

Qualquer mulher fica feliz com um gajo que lhe dá pérolas de chuva. Mesmo que a considere propriedade sua.

Procriamos como coelhos quando nos derem pelos joelhos,
Procriamos mais um pouco que eu adoro fedelhos,
Escrevo o teu nome no meu corpo pra toda gente ver,
Bem piroso e lamechas como o amor deve ser, verdadeiro...

Qualquer mulher fica feliz com um gajo cheio de energia para copular. Mesmo que não tenha nenhuns cuidados anti-concepcionais nem considere a opinião dela sobre ter ou não filhos, porque ele adora crianças.

Olá nina quero tratar de ti, dar-te o mundo e o outro, tenho tudo aqui,
Chega só um pouco perto de mim, acredita que nunca me senti assim...
yeah yeahhh na na nana yeah yeahhh yeah na na nana...

Olá nina quero tratar de ti, dar-te o mundo e o outro, tenho tudo aqui,
Chega só um pouco perto de mim, acredita que nunca me senti assim...
yeah yeahhh na na nana yeah yeahhh yeah na na nana...

Qualquer mulher fica feliz com um gajo que a embale numa canção. Mesmo que a letra seja na na nana.

Gostas de filmes, podíamos fazer um bem privado,
Eu escrevo, realizo e actuo do teu lado,
Podes ser a minha estrela, vou-te dar um bom papel,
Pouca palavra muita acção acredita que é mel,

Qualquer mulher fica feliz com um gajo que faz um filme com ela. Mesmo que seja apenas porno e o seu papel seja apenas acatar ordens.

Nasceste para isto, tá tudo previsto,
Por isso insisto e não resisto a dar-te mais um pouco disto,
O amor puro fresco como a brisa do mar,
Tenho montes dele guardado e está quase a estragar,

Qualquer mulher fica feliz com um gajo que lhe pede para aceitar como único destino o seu papel de receptáculo para expulsão do esperma e fantasias masculinas.

Envelheço ao teu lado, eu bem gordo tu bem magra,
Acabamos com o stock nacional de viagra,
Faz-me rir e eu prometo que não te faço chorar,
Trata bem de mim e eu bem de ti vou tratar...

Qualquer mulher fica feliz com um gajo que não cuida da sua aparência física mas exige que ela trate da dela, para envelhecerem juntos como o lixo e um saco plástico .

Olá... nina... chega ao pé de mim...
Deixa-me dar-te o que tu mereces, tu és a resposta para as minhas preces,
Senta-te aqui vou-te cantar um som, doce como tu, como um bombom,
yeah yeahhh na na nana....

Olá nina quero tratar de ti, dar-te o mundo e o outro, tenho tudo aqui,
Chega só um pouco perto de mim, acredita que nunca me senti assim...
yeah yeahhh na na nana yeah yeahhh yeah na na nana...

Olá nina quero tratar de ti, dar-te o mundo e o outro, tenho tudo aqui,
Chega só um pouco perto de mim, acredita que nunca me senti assim...
yeah yeahhh na na nana yeah yeahhh yeah na na nana...

Qualquer mulher fica feliz com um gajo que a trata como uma boneca de porcelana, um bombom para os seus apetites, um acessório do cenário da sua peça.


E para conferirem o original, têm aqui o som:


0 comentários: