Essa vaca...



desobstipado disse...

ST compincha, ontem a coisa estava mesmo preta - não só ontem, já vinha de trás.
O bizarro de tudo isto é que nem meia hora depois ter escrito aquele comentário paranoicó-depressivó-industrial, deixei 2 ou 3 comentários por aí. Ós depois, consegui acabar 1 postzito, alinhavei o início de mais 2, dei por mim com um pifo razoável após o empate do SLB (hoje em dia...) e ainda fui contagiado pela alegria no regresso talvez a tempo inteiro dum blogger do caraças.
Ou seja, acho que, para já, não preciso do contacto do Senhor Doutor porque talvez tenha encontrado a receita - não sei se foi aquela reza ali em cima, ou este ar carregadíssimo de pólens ou então (suspeito que foi disto) esta casa é daquelas que assimilam o espírito da dona e, mesmo na sua ausência, basta aqui passar para levantar o astral, o moral (até o genital) dum gajo.

Não tivesse acontecido assim e aqui passasse hoje, teria de agradecer o balde de água que me atiraste às ventas da alma. Isso ou um par de estalos é sempre bom remédio para a melancolia. Obrigado.


Essa vaca diz-me que já lá vão três. Três anos desde o primeiro impacto.



[Imagem: descaradamente surripiada ao homenageado há uns anos atrás]

0 comentários: