Vistas largas



A moda primavera/verão do corrente ano pautou-se por amplos decotes de linha marcada logo abaixo dos seios com uma fitinha, pronunciando ainda mais o volume do peito. No entanto, parece-me espúria a menção de que a adesão à moda se deveu ao orgulho feminino de mostrar as mamas.

Não sendo despicienda a exibição destes atributos femininos no aumento do desejo erótico de acordo com o modelo de salivação dos cães de Pavlov parece ser uma visão focada apenas num ponto e deste modo, vincadamente masculina.

Pelo lado feminino importa alargar horizontes para a harmonia de todo o conjunto desde o corte de cabelo à cor usada na pintura das unhas dos pés sem esquecer as curvas de cintura e ancas. Assim, neste contexto, quanto mais centímetros de pele entre o pescoço e o peito surgirem descobertos mais magras parecem as mulheres e esta sim é uma razão válida para a dilatação dos decotes.

Adenda: sobre as propriedades físico-químicas dos beijos decotados


[Fotos © Gonçalo Lobo Pinheiro, 2008, Judite de Sousa; © Ricardo Silva, 2008, Marisa Cruz]


0 comentários: