Touros e mulheres


Resultado de imagem para Touros e mulheres

A minha avó materna era natural da Vila do Touro, no Sabugal, e aficcionada de touradas a ponto de ficar pespegada frente aos ecrãs de televisão todas as quintas-feiras para ver a tourada que a RTP transmitia religiosamente nesse dia. Ela conseguiu que desde a infância eu detestasse aquela coisa bárbara e sangrenta mesmo que vista a preto e branco. Apenas os forcados ganharam o meu apreço porque se alguém quer dar cabo de si, está no direito de o fazer mas sem fazer mal aos outros.

Desde a infância que a tourada só me criava imagens de horror e fazia-me imaginar como seria se os touros fizessem o mesmo aos seres humanos. Ao crescer aprendi como historicamente se criou tal fenómeno de o homem enfrentar o touro e tomei para mim que ser civilizado é não pactuar com tal bárbarie.

Poderão dizer que não se podem extinguir as touradas por respeito a «comunidades inteiras deste país». Mas o meu problema é que além de adorar bolos sei que comunidades inteiras deste país nunca aceitariam pelo seu voto ter uma mulher como Presidente da República ou até Primeira-Ministra, pelo simples facto de ser mulher. A única mulher que foi Primeira-Ministra neste país, Maria de Lourdes Pintasilgo, não foi eleita mas nomeada ou nunca Portugal teria tido uma mulher nessa posição... por respeito a comunidades inteiras deste país.

Touros e mulheres, a mesma luta contra o marialvismo instalado em comunidades inteiras deste país.

0 comentários: